Quebrada

Júlia Magalhães (Porto)

A Quebrada é das mais velhas. Este ano ainda pariu mas já não conseguiu vingar os filhotes. Na sua idade a produção de leite é reduzida e já não há forças para enfrentar as marradas necessárias para garantir a hierarquia no rebanho. Em breve passará a dormir em aposentos indivuduais.